anjinhos

terça-feira, 17 de setembro de 2013

Anjos & Estranhas Coincidências Significativas - ('Poderes da Mente').


Anjo Guardião do Dia: 'MENADEL': 'Deus digno de adoração'. Protege os nascidos em 17/09, 29/11, 10/02, 24/04 e 06/07. Favorece manter o emprego, preservar bens materiais adquiridos pelo trabalho; ajuda a achar bens perdidos ou extraviados. Defende contra caluniadores, libera a outrem da depressão e informa sobre pessoas distantes de que não se têm notícias há tempos.
"Quem nasce sob esta influência terá muita força de vontade, autoconfiante e direto na maneira de falar. Excelente amigo, companheiro, amante apaixonado, ofende-se com certa facilidade e critica de imediato algo que não gosta. Sagaz, age com discrição, responsabilidade, seriedade e dedicação. Perfeccionista, dedicado ao trabalho, espera a mesma postura com quem trabalha. Seus negócios pessoais serão levados a sério, alcançando sempre os objetivos propostos. Sua forte personalidade e carisma farão com que se torne conhecido nos meios de comunicação e a ocupar lugar de estaque. Otimista, independente, ativo e avançado, considera a honestidade e a verdade coisas de muita importância na vida. Discorda de alguns pontos em relação à religião, pela falta de praticidade delas. Pela visão profunda das coisas, será chamado de "profeta", principalmente no aspecto social. Entende que a força de seu anjo guardião é sublime demais para ser invocada sem real necessidade. Por isso, pedirá seu auxílio somente quando esgotar todos os seus próprios recursos".
Profissionalmente: Poderá ser orador público, cientista e pesquisador. Professor ou filósofo autodidata e ensinar as leis que regem o Universo. Defenderá a Pátria com amor e poderá ser convidado por partidos políticos ou sociedades comunitárias, para participar da vida pública". Fonte: Anjos Cabalísticos - Monica Buonfiglio.
Anjo Contrário [Revela o aspecto ‘sombra’ de nossa personalidade]: Sob sua influência, poderá adotar métodos que entravem o andamento de projetos na justiça, proteger fugitivos criminosos, fugir para o exterior a fim de escapar da justiça, ser falso profeta e aceitar cultos religiosos sem valor. Domina o ócio e a preguiça.
 
‘POTÊNCIAS’. O Arcanjo Camael é o seu Príncipe. Estes anjos são guardiões dos animais. Protegem a criação e a perpetuação dos mais diferentes seres vivos do Universo. Os que nascem nas datas acima citadas, têm a proteção especial desta categoria angélica e detestam o sofrimento de animais e de seus semelhantes. Apreciam a leitura e estão destinados a manter o equilíbrio universal. Plantas e animais em casa ajudam a ancorar os anjos dessa qualidade. Fonte: 'Tudo o que você precisa saber sobre Anjos', p. 60. Claudia Maria Janssen. Universo dos Livros. 2010].
"Ninguém nasce para sofrer; nasce para aprender". (Campos de Raphael)


Vídeos em destaque. (Clic):
Anjos & Estranhas Coincidências Significativas
"Upton Sinclair, romancista americano, convenceu-se, por experiências telepáticas que participou com sua mulher, Mary Claig Sinclair, de que há níveis pouco conhecidos da mente humana, e escreveu: “Há outra maneira, supranormal, de adquirir conhecimento”...

Ao definir o que a telepatia significava para ele e sua mulher, Sinclair disse: “Ela parece indicar um substrato comum da mente, na base de nossas mentes individuais, que podemos aprender a explorar. Aparentemente, estamos recebendo indicações de que existe uma consciência – ou inconsciência – cósmica; algum tipo de substância mental comum a todos nós, que podemos trazer para nossa consciência individual. Por que não imaginar que talvez exista uma substância mental universal, assim como existe uma substância física universal, de que somos feitos e para a qual voltamos?”
 

Se Upton Sinclair estava familiarizado com a obra do psicólogo suíço Carl Gustav Jung – cuja Psicologia do Inconsciente foi publicada em 1916 – é um fato que se desconhece. Mas aparentemente ele estava avançando para um conceito que Jung exprimiu com grande sofisticação, depois de uma pesquisa infinitamente mais disciplinada.

Jung chegou à psicologia através da convivência constante com o fenômeno paranormal – considerado normal em sua família. Sua mãe tinha um diário de premonições e do que denominava “estranhas coincidências” [bem antes de Jung descobrir que nelas atuam "agentes espirituais" ou anjos da Sincronicidade], e sua avó era famosa na família por ter o dom da profecia...

Quando Jung era ainda estudante e pensava fazer carreira como cirurgião, uma prima sua desenvolveu a capacidade de entrar em transe. Nesses transes ela afirmava estabelecer contato com entidades desconhecidas. Jung deu início a um estudo alentado da jovem e de seu círculo, acabando por produzir uma tese sobre a psicologia do médium. Com isso Jung definiu sua vocação e o mundo perdeu um cirurgião.

"Em 1907, ao conhecer Sigmund Freud, Jung já publicara trabalhos importantes sobre a natureza da psicose e adquirira renome como pioneiro no movimento psicanalítico fundado por Freud. Anos mais tarde, Freud teria dito que se pudesse começar a vida de novo iria dedicar-se à pesquisa esotérica, mas  em 1909, quando Jung lhe perguntou o que achava da parapsicologia, Freud retrucou: “Besteira”. Jung, porém continuou vendo os acontecimentos paranormais com grande seriedade". [Cf. ‘Poderes de Mente’, p. 21. Abril Livros].
Muitos anos depois, Richard Wilhelm pediu a seu amigo Carl Jung para fazer o Prefácio para a primeira edição em alemão do ‘I Ching – O Livro das Mutações’. E Jung sentiu que deveria consultar antes esse milenar Oráculo, respeitado por sábios como Confúcio e Lao-Tse. A resposta foi tão coincidente, que Jung teve a certeza de que “agentes espirituais” atuavam através do I Ching, assim como nas inesperadas 'coincidências significativas' que acontecem em nossas vidas...
Exemplo pessoal: 'Estranhas coincidências' nos guiaram a adentrar, qual ingênuo Parsifal, as muralhas do lendário Castelo do Graal em Montréalp-de-Sos (Sul da França), aos 34 anos de idade e sem saber que este era um número sagrado aos Cavaleiros do Santo Graal. Ocorreu então inesperado 'déjà vu', em que aflorou registros inconscientes do passado espiritual de nosso ser interior e foi-nos dado o experienciar consciente de existir no âmago de todas as coisas, desde a pequenina flor na relva e pedrinha no chão às poderosas montanhas, uma mesma energia quântica, cuja Essência-Amor interliga o nosso ser interior com todos os reinos e seres que se manifestam 'em cima e embaixo' no Universo.
Em meados de 1982, uma série de acontecimentos alheio à vontade consciente fez-me deixar o discipulado numa Escola Espiritual, que tem centros de conferências em vários países da Europa e no Brasil. Sentia-me então num beco sem saída e sem saber aonde dar continuidade a nossa jornada espiritual. Percebera, porém, ter havido uma misteriosa Mão intervindo por trás desses eventos, que a alma em aflição ansiava por compreender, para dar continuidade ao Caminho espiritual reencontrado no Castelo do Graal...
Certo dia, achava-me a sós em casa e meu olhar foi atraído para a estante e reencontrei o pequeno livrinho 'O Segredo da Flor de Ouro', que eu adquirira sete anos antes. Abri uma página aleatoriamente, que estava marcada por uma fita vermelha cor de sangue e nela estava escrito: 'Não Temas' - e essas palavras desceram como bálsamo curador ao meu coração em aflição.  A página marcada, era um comentário de Jung sobre o texto de antiga sabedoria chinesa; e continha a resposta que a alma tanto ansiava. Senti que se abria ali inesperada porta para dar continuidade ao nosso Caminho espiritual, desvinculado, porém de qualquer organização ou entidade religiosa...
A "mensagem" do texto de Jung, dizia: "O que sucedia aqui e ali, era que alguém se ampliava por si mesmo a partir de obscuras possibilidades, e isto foi para mim uma experiência valiosíssima... Ao observar a vida de desenvolvimento daqueles que silenciosamente e como que inconscientemente se superavam a si mesmos, constatei que seus destinos tinham algo em comum: o novo vinha a eles do obscuro campo das possibilidades de fora ou de dentro, e eles o acolhiam e com isso cresciam. Parecia-me típico que uns o recebessem de fora e outros, de dentro, ou melhor, que em alguns o novo crescesse a partir de fora e em outros, a partir de dentro. Mas de qualquer forma, nunca o novo era algo somente exterior ou somente interior. Ao vir de fora, tornava-se a vivência mais íntima. Vindo de dentro, tornava-se acontecimento externo. Jamais era intencional provocado ou conscientemente desejado, mas como que fluía na torrente do tempo"... [Cf. 'O Segredo da Flor de Ouro', p. 32. C. G. Jung. Vozes].
O hexagrama 05 do 'I Ching', destaca: "Se você é sincero, tem a luz e o sucesso". E no final o comentário ao hexagrama, diz: "O destino com frequência traz reviravoltas em formas que ao início parecem estranhas". ['Ching' p. 45. Richard Wilhelm/ C. G. Jung]. 


Os textos acima transcritos deixa entrever que os eventos mais difíceis têm sua razão de ser; por trás de seu fluxo vem a possibilidade de crescimento. A experiência da vida mostra que aquilo que de início parece provação, pode tornar-se mais a frente uma bênção, quando se perceber que nos abriu o acesso a outro patamar mais amplo da consciência: “Nada acontece ao acaso no Universo" - no macrocosmo como no microcosmo, o 'pequeno universo' de nossas vidas..

Veja tb.: 'A Presença Angélica em Nossas Vidas' - Ver e Saber...

 Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).






Nenhum comentário:

Postar um comentário