anjinhos

sexta-feira, 2 de setembro de 2011

A QUE PAÍS PERTENCES?!

Anjo Guardião: Ah! V. ainda não sabe o seu?! (Clic): "Descubra seu anjo pelo mês de nascimento". (Monica Buonfiglio). Veja tb:“Conheça o Seu Anjo da Guarda".

Intróito: Hoje é dia de comemoração: faz exatamente um ano que chegamos a Rio das Ostras com a mudança, trazendo conosco nossos companheirinhos de jornada: dois Fox-paulistinhas (ou “Terrier Brasileiro”) e uma família de nove (número angélico) gatos...

V. pode achar estranho acolhermos tantos animais; mas quando chegamos a Friburgo, vindos de Itanhaém/SP, trazíamos apenas dois gatos, o Pipo e a Pupi. Ganhamos aqui um Fox-paulistinha, e depois o meu anjo guardião nos trouxe o ‘Rapha’ ainda filhote – algo difícil de acreditar, mas história real que contei aqui em “Anjos, Animais & Coincidência”.
Na verdade, após dois ciclos de sete anos, residindo em Friburgo, a companheira de toda uma vida partiu de volta ao reino dos anjos, e eu sabia que o ciclo naquela cidade se completara e precisava levar minhas “crianças” para alguma outra cidade e uma casa com jardim, onde pudessem viver uma vida mais em contato com a natureza. Mas, aonde?!

E aí, cônscio de minha cegueira de nascença e limitação intelectiva, não vi outra saída senão pedir a ajuda compreensiva e amorosa dos anjos, para nos sinalizar e guiar para tal lugar. Sabe qual foi o resultado?

Minha irmã caçula, que reside em Florianópolis e viera para a cerimônia de cremação das vestes mortais de minha esposa, teve a intuição de descermos a Rio das Ostras para alugar uma casa. Almoçamos no “Aquarius”, um restaurante que me atraiu por conectar-me à ‘I Conferência Internacional de Aquarius’, em Renova (Lage Vürsche, Holanda) - que minha esposa e eu participáramos em 1963.

Saímos e logo na primeira esquina vimos e entramos numa imobiliária próxima. E a corretora nos levou direto para ver uma casa pequena com jardim, dentro das características que eu pedira. Ao vê-la, senti intuitivamente ser a casa “que pedira a Deus”, ou melhor, ao anjo guardião. Pedi reservá-la, fiz o contrato de aluguel, e dia 02.09.2010 começou novo ciclo de vida sob as asas protetoras dos anjos...
Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).

A QUE PAÍS PERTENCES (“Do Livro Essênio do Mestre de Virtude”.)
“Alcancei a visão interior
e através do teu Espírito em mim
ouvi o Teu segredo maravilhoso.
Através da Tua introvisão mística
fizeste uma fonte de conhecimento
brotar dentro de mim,
uma fonte de poder,
que jorra águas vivas,
uma torrente de Amor
e Sabedoria que tudo abarca
como o esplendor da Luz Eterna”.

(Do Livro de Hinos, dos Manuscritos do Mar Morto). [Cf. ‘O Evangelho Essênio da Paz’, p.162. Pensamento]

“Quando os homens te perguntarem a que país pertences, não digas que és deste ou daquele país. Eis que, na verdade, apenas o seu corpo nasceu num cantinho qualquer desta terra”.

Mas tu, ó Filho da Luz, pertences à Irmandade que abrange todos os céus e além deles. E do teu Pai Celestial provieram as sementes não só do teu pai e do avô, mas também de [todos] os seres gerados na terra.

Na verdade, és filho de Deus, e todos os homens são teus irmãos; e, porventura, teres a Deus por criador, pai e guardião, não te liberta de todas as tristezas e de todos os medos?

Por conseqüência te digo, não penses em ajuntar bens e propriedades mundanas, ouro e prata, que só trazem corrupção e morte. Pois quanto mais for a tua reserva de riquezas, tanto mais grossas serão as paredes do teu túmulo. Escancara as janelas da alma e respira o ar fresco do homem livre!
Por que te preocupas com o que vais vestir? Pensa nos lírios do campo e em como crescem; eles não trabalham, nem fiam, e, no entanto te digo, nem Salomão em sua glória se vestia como um deles.

Por que pensas no que vais comer? Pensa nos presentes de tua Mãe Terra: os frutos maduros de suas árvores e o grão dourado [do trigo] do seu solo.

Por que pensas em casas e terras? Um homem não pode vender-te o que não possui, e não pode possuir o que já pertence a todos. Esta terra vasta é tua e todos os homens são teus irmãos.

Os Anjos da Mãe Terra caminham contigo durante o dia, e os Anjos do Pai Celestial te guiam durante a noite, e dentro de ti está a Lei Sagrada.

“Não fica bem ao filho de um rei cobiçar quinquilharias da sarjeta. Toma o teu lugar, portanto, à mesa da comemoração e administra tua herança com honra. Pois em Deus vivemos e nos movemos e temos nosso ser. Em verdade somos Seus filhos, e ele é nosso Pai”. [Ω].
[Cf. ‘O Evangelho Essênio da Paz’, p. 132/33. Pensamento. 2003].

Nenhum comentário:

Postar um comentário