quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

CURE COM ANJOS DA CURA!

“Se Cristo nascer mil vezes em Belém, mas não em teu coração, continuarás extraviado”. (Ângelus Silesius).

Preâmbulo: Muitos anos antes de descobrir que o anjo guardião que presidiu o nascimento meu na forma física era um "anjo de cura”, regido pelo arcanjo Raphael [do hebraico, 'Rapha', "curar" + 'el,' "anjo"], os anjos da Sincronicidade nos guiaram à Europa e ao santuário druida de Montréalp-de-Sos no Sul da França, e dali ao Castelo do Graal, onde aflorou a conexão interior com o passado espiritual naquela histórica região dos cavaleiros templários e trovadores da 'MINNE' - o "Amor puro". Energia divina, cuja Essência está presente no âmago de todas as coisas e interliga todos os seres...

Em Montréalp-de-Sos, existe o chamado 'Dolmen de Sem' (ver foto) sobre um elevado platô em meio às montanhas dos Pirineus franceses, aonde os druidas vinham celebrar seus rituais sagrados nos dias de solstícios, antes do cristianismo: no solstício de verão, ao redor de 24 de junho; e outro no inverno, cerca de 25 de dezembro. O fato é conhecido dos europeus, mas poucos brasileiros sabem que essas datas “pagãs” foram adotadas para celebrar o nascimento de João Batista e o de Jesus Cristo. Na verdade, esses eventos cósmicos sempre foram considerados sagrados e cultuados desde a antiguidadade, quando o Sol nasce aparentemente durante três dias no mesmo lugar, para depois continuar a sua jornada anual. E nos lembra um antigo ditado: “Deus escreveu Seus sinais na Natureza”...

E sabendo que, cônscios ou não, cada um de nós necessita de cura em algum nível, seja físico, psíquico ou espiritual, pedi aos anjos que me indicassem um texto especial para essa data que, graças estar sob uma radiação cósmica especial, favorece a cura. E reencontrei uma página que permite vislumbrar a amplitude do trabalho dos anjos de cura em nosso corpo, como pode servir de reflexão natalina.
Curando com os Anjos - (Linda Zwingeberg Fickes).
Todos os profissionais da cura, sejam médicos, microcirurgiões, dentistas, acupunturistas ou curadores de fé evangélica, trabalham com os anjos curadores do corpo. "Eles precisam trabalhar com a natureza. A natureza é vida com inteligência".

"Um anjo é simplesmente uma inteligência da natureza que orienta a centelha de vida para sua perfeita realização. Um anjo pode supervisionar a centelha de vida de uma célula do corpo, de um órgão, dos corpos físico, mental ou emocional, da alma, do Cristo interior ou do corpo do Eu Sou". "Um anjo pode ser pequenino ou enorme. Mas cada anjo tem a qualidade do sincronismo perfeito com o bem daquela vida e de todos. E nenhuma cura se realiza sem o cuidado dos anjos. O “curador”, simplesmente remove os obstáculos e abre as portas, para que os anjos possam fazer o seu trabalho".

"O anjo ou inteligência que supervisiona o corpo físico dirige e coordena os anjos que compõem aquele corpo – os anjos da pele, do sangue, do sistema nervoso e assim por diante. Esse ser angélico também interage com os anjos de todos os nossos corpos sutis. Quanto mais sutil o corpo, mais próximo de Deus e tanto mais poderosa e simples a vida angélica no interior daquele corpo". "Todos os corpos sutis são guiados por sua tendência natural ou inteligência própria. O corpo mental é composto de pensamentos e idéias, cada um dos quais tem um anjo para realizá-lo".

"O corpo emocional é um corpo sutil composto de fluxos de energia emocional. Cada fluxo de emoção tem um anjo orientador. Quando esses anjos sofrem restrições, a vida fica engarrafada. A energia fica frustrada e, conseqüentemente, afeta os corpos mental e físico, mais grosseiros. Muitos terapeutas estão descobrindo como permitir aos anjos dos fluxos emocionais assistirem no processo de liberação da energia emocional, que sempre se conclui com amor".

"O corpo etérico, ou alma, é o desenho da planta perfeita e original da existência de um indivíduo. Por essas razões, traz o desenho da matriz original criada para ele por Deus. Procure pelos anjos do corpo etérico ou da alma e você verá uma sutil matriz geométrica de estrelas"... "As estrelas estabelecem um tom de perfeição e harmonia para cada parte do nosso corpo. No nível do Cristo interior, além da alma, o corpo é ainda menos complexo e composto das qualidades de amor e compaixão universais. Quando nos conectamos conscientemente com as nossas intenções universais, os anjos crísticos nos ajudam a realizá-las".

"O corpo sutil do Eu Sou é ainda mais próximo de Deus e, portanto, mais simples e mais poderoso. No nível do Eu Sou, encontramos as qualidades puras de nosso próprio ser divino. Um fornecimento de energia desse nível poderia ser: “Eu Sou Poder”, “Eu Sou Amor” ou “Eu Sou o Que Sou”. Entrar em contato com os anjos crísticos de do Eu Sou, e sentir sua consciência e poder, é extasiante e transformador".

“O objetivo de todos os anjos de cada um de nossos corpos é realizar o propósito divino do nosso Eu Divino. Para o Ser que chamamos Terra, assim como para o Ser que é cada um de nós, isso simplesmente significa o funcionamento completo e perfeito da Natureza, de toda a Natureza. Todos os anjos da nossa própria vida fluem da identidade e é possível alcançar os do paciente para a cura”. [Cf. ‘Anjos Mensageiros da Luz’, p. 209/10. Terry Linn Taylor].
Finalizamos, citando uma bênção antiga:
"Que as asas da borboleta possam beijar o sol.
E encontrar o seu ombro para pousarem suavemente,
Para lhe trazer sorte, amor e felicidade.
Hoje, amanhã e sempre".

Luz, Amor e Paz! (Campos de Raphael).
Rio das Ostras, 15.12.2010.

Nenhum comentário:

Postar um comentário